• Instagram

Conheça 40 grandes obras que serão entregues no Maranhão a partir de 2019

Em 2/01/2019

Apesar da crise econômica nacional, o Governo Maranhão deve manter um ritmo intenso de investimentos no próximo mandato. São grandes obras em diversos setores. Muitas delas estão em andamento, parte está prestes a ser entregue e outras ainda terão início. Veja abaixo 40 dessas grandes obras que marcarão a segunda gestão Flávio Dino:

1. Estrada de Paulino Neves
Está quase pronta e vai consolidar a Rota das Emoções, importante atrativo turístico que gera emprego e renda. A estrada sai de Barreirinhas.

2. Ponte Central-Bequimão
O que era uma lenda na Baixada Maranhense vai se tornando realidade. É uma obra difícil e complexa. Todo o material já está no canteiro de obras. Com 600 metros, a ponte sobre o Rio Pericumã vai conectar dez municípios da Baixada Maranhense. Boa parte da obra está sendo feita debaixo d’água.

3. Ponte do Pátio Norte
A obra está sendo feita para ligar o Maiobão e o Cohatrac, na Grande Ilha, e vai diminuir de 6 quilômetros para 220 metros o trajeto entre dois bairros vizinhos e que interligam mais de 200 mil pessoas que moram na região. A ponte tem 220 metros de extensão.

 

4. Ampliação da Avenida Litorânea

As obras já estão em andamento e incluem um trecho de 1.800 metros até a intersecção da Avenida São Carlos, no Olho d’Água. O projeto inclui a construção de bares e restaurantes padronizados, praças, pontes, calçadão e pavimentação. A obra cria uma alternativa de acesso entre os municípios da Grande Ilha. As obras na Litorânea preveem três fases.


5. BRT (Bus Rapid Transit)

Será criado a partir do prolongamento da Litorânea. Trata-se de um sistema de transporte rápido por ônibus que proporcionará velocidade e conforto aos passageiros. Quando estiver em pleno funcionamento, o BRT deve diminuir em até uma hora a viagem entre bairros dos municípios de Paço do Lumiar, São José de Ribamar, Raposa e São Luís. É um investimento de R$ 140 milhões.

6. Escola Digna
O ano de 2018 termina com a marca de 840 Escolas Dignas construídas, reconstruídas ou reformadas. E 2019 vai manter o ritmo acelerado: a ideia é chegar a pelo menos mil Escolas Dignas em todo do Maranhão.

7. Novo Campus da UemaSul em Imperatriz

Será no Centro de Ciências Agrárias da UemaSul, em Imperatriz. O campus está em construção. O prédio terá 20 salas de aula, uma de controle, quatro para administração, uma de informática, quatro de manutenção técnica, 21 laboratórios, auditório, cantina, cozinha, oito banheiros, uma biblioteca e estacionamento.

8. Novo campus da UemaSul em Estreito

O local vai receber cursos de Engenheira Agronômica, Licenciatura em Letras, Matemática e Física. Serão 40 vagas para cada um dos quatro novos cursos, totalizando 160.

9. Campus da Uema em São Bento

As novas instalações estão em fase final, com a conclusão de cinco prédios e pavilhão das salas de aula. O auditório e a portaria também serão entregues em breve.

10. IEMA

Hoje são 26 unidades do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, com ensino profissionalizante. A meta é chegar a 100 no próximo mandato. Dezoito novos projetos já estão em andamento.

11. Socorrão da Ilha

As obras já começaram na avenida São Luís Rei de França, no Turu. Serão 300 leitos para desafogar os Socorrões municipais. Vai atender toda a Grande Ilha. O projeto inclui mudanças no trânsito da avenida para que o fluxo de veículos até o hospital seja mais rápido.

12. Socorrão de Imperatriz
Também será um hospital de grande porte para urgência e emergência. O Socorrão vai complementar a rede de saúde no município, ajudando no atendimento básico e emergencial de saúde.

13. 2ª etapa do Hospital do Servidor
A primeira fase foi entregue neste ano e já está funcionando, em São Luís. Para o primeiro semestre de 2019, é prevista a inauguração da segunda etapa, com atendimento odontológico, exames de imagem, de laboratório e outros serviços.

14. Novas reformas no Socorrão 2
Duas etapas já foram concluídas pelo Governo do Estado no hospital municipal em São Luís. Mais duas estão por vir para melhorar a estrutura.

15. Hospital de Carolina
Serão 20 leitos para atender a cidade, evitando viagens até Imperatriz, por exemplo.

16. Ampliação do Hospital de Barreirinhas

Será construída uma UTI com 12 leitos, além de mais estrutura para atender os moradores da cidade e de municípios vizinhos.

17. Policlínicas Regionais
Serão locais para consultas e exames, fazendo um meio termo entre os grandes hospitais e os postos de saúde. As policlínicas vão complementar o atendimento dos hospitais macrorregionais.

18. SORRIR no interior

Além das policlínicas, as Regionais de Saúde também terão unidades do Centro SORRIR, com dentistas que fazem implantes, próteses e diversos atendimentos.

19. Parque do Rangedor 

Fica em São Luís. O local está ganhando pistas para caminhada, ciclovias, além de praças para práticas esportivas. Em breve, será aberto à população.

20. Parque Ambiental de Timon
A estrutura vai incluir pista de caminhada, ciclovia, estacionamento, esplanada, jardins, canteiros, pergolados, quadra poliesportiva, playground, academia ao ar livre, pista de skate, praças e espelho d’água, além de recuperação da vegetação regional.

21. 30 cozinhas comunitárias
Estão sendo concluídas nas cidades do Plano Mais IDH, que leva uma série de ações para melhorar a qualidade de vida em 30 municípios. Elas vão fornecer refeições gratuitas para quem mais precisa, além de oferecer cursos para gerar renda entre os moradores.

22. Residencial Parque Independência

Serão construídos 2.048 apartamentos no bairro São Cristóvão, em São Luís. Os oito condomínios do Residencial Independência terão, cada um, 256 apartamentos com áreas independentes, compostas por piscina, quadra poliesportiva e área de lazer coberta.

23. Residenciais José Chagas e Jomar Moraes
São 1.360 apartamentos em construção pelo Minha Casa Meu Maranhão. O Residencial José Chagas vai abrigar 256 famílias que moravam em palafitas no São Francisco. Já no Jomar Moraes, nas imediações do Sítio Piranhenga, 1.104 unidades abrigarão quem também vivia em condições precárias na Liberdade, Camboa e entorno da Avenida Jackson Lago.

24. Terminal do Cujupe

Boa parte da obra já foi entregue, mas ainda há ampliações e modernizações sendo feitas. As obras incluem estrutura para embarque e desembarque de passageiros, terminal rodoviário, alojamento e posto da Polícia Militar.

25. Complexo da RFSSA
A antiga sede da Rede Ferroviária Federal (RFFSA), na Avenida Beira-Mar, em São Luís, está sendo revitalizada. O prédio histórico vai funcionar como espaço cultural com museu ferroviário, exposição de quadros, de pintura, de arte contemporânea e espaço destinado à gastronomia maranhense.

26. ETE Anil

A Estação de Tratamento de Esgoto vai atuar em cerca de 20 bairros de São Luís, aumentando o saneamento básica da capital.

27. Novas penitenciárias
Serão nove novas unidades prisionais construídas na capital e no interior, com quase 4 mil vagas a mais.

28. 13º Batalhão da PM em Ribamar
Já está pronto para ser entregue oficialmente. O prédio foi feito para funcionar como centro de comando de operações da região.

29. Porto do Itaqui
O ano de 2019 vai começar com a duplicação do terminal de grãos, que hoje movimenta 6 milhões de toneladas e vai passar a fazer o dobro até 2020. Também será feita a implantação do terminal de celulose, com armazém totalmente automatizado e um berço específico. Outra obra é o terminal de fertilizantes. Apenas em recursos públicos, serão R$ 240 milhões para o próximo ciclo de investimentos no porto, como recuperação de berços. Para 2019, a previsão é de R$ 40 milhões.

30. Diques da Produção
Além dos 17 já entregues, mais 19 estão sendo feitos para preservar a água doce e impedir a contaminação com a água salgada. Isso garante produção, ocupação e renda o ano todo na Baixada Maranhense.

31. Cisternas
A meta é construir mais cerca de 4 mil cisternas para abastecer escolas, moradores e também a produção agrícola e criação animal.

32. Ponte em Nova Iorque
A obra era esperada por décadas na região. A ponte está sendo construída na MA-368. São 75 metros de comprimento e 10 metros de largura, encurtando a viagem em 70 quilômetros.

33. MA-006 Arame-Grajaú
São 125 quilômetros com a pavimentação bastante adiantada. Depois de pavimentada, a via receberá ainda sinalização horizontal e vertical.

34. MA-012
Vai ser entregue nos primeiros meses de 2019. A estrada interliga as cidades do Médio Mearim e da região central do Estado. É importante para o desenvolvimento de Barra do Corda, São Raimundo do Doca Bezerra e municípios dessas regiões.

35. MA-026
As obras estão em andamento. O trecho entre o entre os povoados Triângulo, no município de Dom Pedro, e Dezessete, em Codó, na região leste do Maranhão, está sendo transformado, incluindo duas pontes.

36. MA-110
É a primeira vez em 50 anos que o trecho entre São Bernardo do Maranhão e Luzilândia, no Piauí, receberá toda a estrutura devida, para se tornar uma rodovia de verdade. As obras estão em andamento.

37. MA-119
O investimento de aproximadamente R$ 41 milhões garante a pavimentação completa dos 36 quilômetros de extensão, proporcionando a interligação dos municípios e povoados da região, além do escoamento da produção.

38. MA-245 

São 65 quilômetros em fase de conclusão, ligando a cidade de Lago da Pedra a Lagoa Grande. Também beneficia mais 15 povoados e faz conexão com as estradas até os municípios de Itaipava do Grajaú e Barra do Corda.

39. MA-272
Está em obra a rodovia que interliga Barra do Corda a Fernando Falcão. A obra está sendo concluída e inclui cinco pontes de concreto e mais de 100 bueiros, interligando seis povoados.

40. MA-275
São 41 quilômetros que estão sendo pavimentados entre Amarante e Sítio Novo. A rodovia terá largura de 10 metros, sendo duas faixas de três metros e acostamento. Estão sendo construídas também três pontes de concreto e diversos bueiros.

Desenvolvimento © SEATI | www.seati.ma.gov.br